“A Costura da Memória” por Rosana Paulino

A perspectiva do afrodescendente brasileiro retrato por Rosana Paulino

O trabalho da artista visual, educadora e curadora, Rosana Paulino, chega à Pinacoteca de São Paulo como um questionamento sobre a forma como pessoas negras são representadas na sociedade. A mostra “Rosana Paulino: a costura da memória” reúne peças desenvolvidas ao longo de seus 25 anos de carreira. Por meio das mais diversas técnicas artísticas, a artista transparece um pouco de sua vida pessoal, bem como retratos da identidade do povo negro em território brasileiro.
Sob curadoria de Valéria Piccoli e Pedro Nery, a exposição segue até o dia 4 de março e contrapõe, de maneira extremamente intimista, a visão eurocêntrica do que vem a ser arte, como é destacado por Rosana em entrevista a revista TPM. “A população afrodescendente tem as suas especificidades e eu vou trazer isso para o trabalho, esse é o meu meio. Quero trazer essa discussão à tona, de como a gente vê o mundo”, concluiu.

 

Data: 08/12/2018 a 04/03/2019
Horário: Quarta-feira a segunda, das 10h às 17h30
Local: 1º anda da Pina Luz
Valor do Ingresso: R$ 5,00 (meia) e R$ 10,00 (inteira).

Rosana Paulino, Página do livro HISTÓRIA NATURAL?, 2016.

- Publicidade -

Você pode gostar também