Museu Nacional receberá peças emprestadas da Itália

Ministério da cultura italiano disponibiliza acervo para serem expostos na Sala Roma do Consulado Geral da Itália, no centro do Rio

Para a reinauguração do Museu Nacional (destruído por um incêndio em 2 de setembro, 2018) o Ministério da Cultura da Itália enviará, em forma de empréstimo, coleções para compor a exposição.

As peças que farão parte serão selecionadas pelo próprio ministério, não sendo divulgada ainda quais estarão presentes.

As obras serão exibidas na Sala Roma do Consulado Geral da Itália, no Centro do Rio, até o final do ano. Além das peças, o ministério ainda fará parte da restauração de uma estátua grega feminina, chamada Koré. A peça foi encontrada em 1853 em um túmulo na Itália e estava presente no Museu Nacional durante o incêndio, a qual acabou sendo quebrada.

A atual reitora, Denise Pires de Carvalho,  disse que a intenção é reabrir ao menos uma ala do Palácio São Cristóvão, do Museu Nacional, até o Bicentenário da Independência do Brasil, em 7 de setembro de 2022.

Foto: Divulgação/Fernando Frazão/Agência Brasil

“Estamos trabalhando para que pelo menos uma parte do palácio possa ser inaugurada no bicentenário da Independência. Vamos trabalhar para isso e espero que possamos ter o apoio não só da comunidade nacional, da nossa sociedade, mas da sociedade internacional”, explicou.

 

 

- Publicidade -

Você pode gostar também