Plataforma Google Arts & Culture fecha parceria com o Projeto Portinari

Completando 40 anos de existência em 2019, obras de Candido Portinari agora podem ser visualizadas digitalmente por todo o mundo

Primeiro brasileiro a integrar o quadro digitalizado de obras da Google Arts & Culture, Candido Portinari chega a plataforma com a coleção “Portinari: O Pintor de Povo”, exposição dividida em 20 partes que traz mais sobre a vida do artista. Parceria do Projeto Portinari junto ao Google, o paulista agora integra o catálogo da plataforma que contra com aproximadamente 5 mil obras e 15 mil documentos.

Entre as obras apresentadas, temos “Mestiço” (1934), “Café” (1935), bem como os painéis “Guerra” e “Paz”, de produção entre os anos de 1952 e 1956. Para além das obras disponibilizadas, o mecanismo dispõe da possibilidade dos visitantes realizarem um passeio pela residência do artista, localizada em Brodowski, município de São Paulo.

Encabeçado por João Candido, filho de Portinari, o Projeto Portinari foi criado em 1979 e busca resgatar a vida e obra do artista. A iniciativa busca ainda fazer com que crianças e jovens tenham acesso a cultura por meio de pinturas e escrituras extraídas daquele que é um dos mais importantes artistas plásticos da história do Brasil.

O recurso Google Arts & Cultures atualmente mantém parceria com museus de todo o mundo, entre eles a Pinacoteca de São Paulo, Museu Nacional de Belas Artes, Fundação Ema Klabin, MASP e o Museu Castro Maia. Já o passeio digital pelas obras de Portinari pode ser feito clicando aqui e claro, é gratuito.

Untitled, Hart Preston, 1942, Da coleção de: LIFE Photo Collection

 

- Publicidade -

Você pode gostar também